«

»

mai 28 2017

Imprimir Post

Gincana ambiental anima escolas em Trajano e distritos

Competição envolve coleta de óleo usado, recolhimento de pets, entre outros itens

Gritos de alegria, correria, diversão, disputa, recolhimento de materiais inutilizáveis como garrafas pets, latas de alumínio e até resto de óleo de cozinha inutilizado. Essas são algumas das ações da primeira Gincana Ambiental da Bacia do Rio Macabu, realizada pela Prefeitura de Trajano de Moraes, na Região Serrana. As atividades começaram há um mês. Nesta sexta-feira, (26), foi à vez da Escola de Tapera começar o corre, corre quanto tempo.

A competição entre os alunos envolve coleta de óleo usado, recolhimento de garrafas plásticas, pilhas descarregadas, apresentação de teatro, paródia e concurso de redação, com o objetivo de estimular a solidariedade, cooperação e respeito entre alunos, professores e funcionários, além de estimular a consciência ambiental e o reaproveitamento de materiais.

A secretaria de Governo e Gabinete do município irá premiar a escola que obtiver a maior pontuação geral, bem como as melhores redações de cada escola, e no dia 5 de junho, para as equipes campeãs, será realizada uma excursão para o Horto Central Florestal Santos Lima do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) em Santa Maria Madalena.

O evento envolve as escolas municipais da cidade e dos distritos, e deve estimular mais 500 alunos divididos em grupo de 20 cada. De acordo com o secretário Municipal do Meio Ambiente Mario Luiz Baía Almeida, a Gincana Ambiental tem como foco principal os cuidados com meio ambiente e preservação Bacia do Rio Macabu.

“Quero agradecer aqui a pessoa do prefeito Rodrigo Viana, do vice Jorge Diniz e do secretário de Educação Elielton Riguete, do secretário de governo Junior Azevedo pelo espaço. Vamos através desta gincana, promover a integração entre os jovens e fazer com que os mesmos se conscientizem na preservação do nosso maior patrimônio: o ambiente”, disse.

Ainda segundo o secretário, uma das metas também manter viva a preservação dos rios. “Quero estimular a solidariedade, a cooperação e o respeito entre os moradores dos distritos de Trajano de Moraes situados na bacia do rio Macabu, gerando melhora na qualidade de vida de todos que residem ou interagem de alguma forma com estes distritos. A Gincana será oficialmente um calendário de atividades”, acrescentou.

Para fechar com chave de ouro essas atividades, as escolas realizam ainda nos dias 30 e 31 deste mês, mais uma etapa da gincana, que consiste na apresentação e avaliação dos materiais produzidos pelos alunos desde o início do mês. Vão participar da Gincana Ambiental estudantes das Escolas Municipais e Estaduais de Sodrelândia, Tapera, Ponte Nova, Maria Mendonça e Ponte Zinco.

Os alunos disputam ainda redação com tema ambiental. Os membros da equipe produzirão individualmente os textos. Um dos temas é a “Transposição do Rio Macabu” que serão corrigidos pelos professores de Língua Portuguesa de todos os Colégios. O melhor texto de cada equipe receberá notas de 10 a 50 pontos. O texto deverá ser inédito”, concluiu Mário.

 

Link permanente para este artigo: http://trajanodemoraes.rj.gov.br/gincana-ambiental-anima-escolas-em-trajano-e-distritos/